segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Não basta ser pai...

... tem que participar!!


tem que slingar...

com qualquer modelo de sling...

fazer as tarefas domésticas co o bebê no colo...

passear...
deixar a filha tocar o violão...


tem que assistir "bob esponja" com a pequena na cama...

tem que emprestar o fone de ouvido para a filha tirar foto...

tem que levar no parque...

tem que ir no estúdio tirar foto e ainda esboçar um sorrizinho...

tem que deixar de ver o futebol de domingo para brincar de casinha com a filhota...
(ainda bem que o Rapha não assiste futebol... e se assistisse, provavelmente nem estaríamos juntos...)


video

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Nossa velha nova Ana Clara...

Hoje foi o primeiro real corte de cabelo da pequena. Não levei máquina fotográfica para registrar o momento e foi até bom, pq só iria conseguir registrar muito chororô.
Sim. Ela chorou, o tempo todo. Mas não pediu para sair da cedeirinha (ou melhor, "carrinho" daqueles clássicos de salão de beleza onde cortam cabelo de criança). Ficou lá, bem paradinha e chorando. Foi rápido. O moço que cortou o cabelo dela foi bem legal: não ficou conversando muito, concentrou-se e fez o trabalho super rápido. Pra Ana deve ter parecido uma eternidade, mas logo que terminou, ela parou de chorar e voltamos logo pra casa para mostrar o novo "visu" pro papai.





antes...


depois!

Imaginem: um bebê de cabelo super curtinho, sem brinco e de vestido! Hahahahaha... temos que admitir que ficou com cara de menininho. Mas para nós vai ser sempre a nossa princesa!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Dentes, chiliques e passeio no bosque

Desde sábado de manhã Ana Clara está cheia de chiliques... Mas só fui descobrir o motivo no domingo a noite na hora do banho, quando a pequena, num chororô daqueles, abriu o bocão e voilá: um dente ENOOORME apontando. Me senti a mãe mais desnaturada do mundo. Mas tudo bem. Ana Clara dormiu a base de chá de erva doce com Camomilina C.
Rapha e eu até conseguimos dar uma saída para encontrar uns amigos e colocar o papo em dia.

Mas no dia seguinte os chiliques continuaram... Estou tentando ser a mãe mais compreensiva e paciente, mas tem horas que é difícil. Ela bate, se joga no chão, grita... Estou com a paciência no limite. Não sei mais o que fazer a não ser mantralizar bastante: "vai passar".

Fora isso... Ana Clara está muito engraçada. Cada dia mais falante e o mais interessante: tem passado longos períodos brincando sozinha. Ontem fomos no parquinho do Bosque Papa João Paulo II e com o sol muito forte, estendi uma kanga na grama e deixei ela brincando com umas panelinhas que a vovó Iara deu a ela de Dia das Crianças. Ela adora. E ficou 20 minutos (cronometrados) brincando sozinha com as tais panelinhas: colocava dentro umas folhinhas secas, umas graminhas e mexia tudo com um gravetinho. Fiquei admirando minha filha naquele momento e não tenho palavras pra descrever o que senti. Felicidade plena, talvez.
as panelas...

Um tempinho depois chegaram as primas Daniela e Alice, com os pais Daniel (irmão) e Luciana (cunhada). O dia inteiro ontem foi delicioso.

brincando com a vovó Clelia...

castelo de areia a 4 mãos...

odeia areia nas mãos... a "neura" da limpeza...

enquanto isso a Alice curtia um colo da mamãe

hora de ir embora...

irmãos... será???