sexta-feira, 7 de maio de 2010

Ana Clara, a manga e o garfo...

video

Se a Ana come bem?? ôô se come!!
Imaginem que o prato estava CHEIO de manga!!

dá até gosto de ver...

Gostaria de fazer um comentário sobre talheres e pratos para bebês... Até pouco tempo eu não tinha nada disso. Tem mães que pedem esse tipo de coisa até no chá de bebê, mas eu preferi esperar e pensar mais sobre o assunto.

Coisas de plástico não são muito legais. Mas muitas vezes são indispensáveis. Lá pelo 7º mês (quando a Ana começou a comer) eu resolvi comprar umas colheres de plástico pra dar a papinha pra ela, mas não comprei prato. Sempre dei a papinha dela em prato de vidro mesmo ou em potes de vidro também (desses de sobremesa), nos que a gente usa aqui em casa, e várias vezes usei as colheres de metal também. Aos poucos fui comprando umas coisas pra ela (mamadeiras, potinhos, copos, talheres) e hoje tem uma caixa (dessas tipo organizadora) para guardar toda essa "parafernalha".

Mas, e quando saimos com a Ana e temos que levar comida? Aí tenho uns tupperware que uso só para as comidas dela. Mas em casa, é no prato de vidro mesmo, e nunca vimos problema nisso, porque a Ana é uma delicadeza que só ela mesmo, não bate no prato, não joga no chão... Pelo menos, até agora não aconteceu nada disso.

Hoje em dia tenho usado bastante os talheres dela (me rendi a um par de talheres da marca Kuka, cor-de-rosa, bem bonitinhos), e acho que vou acabar comprando um prato (desses com ventosa), antes que qualquer dia aconteça um acidente.

Mas sobre o garfo... garfo de plástico NINGUÉM MERECE!! Pelo menos desses especiais para bebês que tem as pontas arredondadas para não machucar... Hoje mesmo eu saí com ela (num encontro sobre aleitamento materno, bem legal, cheio de mães com seus bebês) e levei manga cortada em cubinhos pra ela comer, mas levei um garfo de metal (que dá pra espetar a manga), porque o de plástico não dá de jeito nenhum!! Só serve pra deixar a gente bem irritada com aquele troço que não espeta nada direito!! Logicamente que não deixo minha filha sozinha com o garfo de metal. E quando ela está em casa ela come com a mão mesmo (nem sempre, pois nem sempre tenho paciência de deixar ela fazer tanta bagunça... convenhamos que dá uma preguiça de ficar limpando a sujeira que eles fazem, né?! rs)
Senti que algumas mães me olharam com um certo estranhamento para o garfo de metal, mas nem ligo. O garfo não vai machucar a minha filha e, usando ele, eu não fico estressada com o tal garfo de plástico.

Acho que é isso. Precisava desabafar, pois no dia que gravei esse vídeo, vi como esse troço serve mais como brinquedo do que outra coisa. Talvez, daqui um tempo, quando ela estiver comendo as coisas em pedaços maiores, o tal garfo cumpra sua verdadeira função.


Um comentário:

  1. Oi Isabella, tudo bem? Você estava sempre nas aulas de musicalização da UFPR, né? O meu pequeno fazia também, só que esse ano perdi a data da matrícula, humpf. A sua pequena tá uma graça, parabéns!!! E come bem, hein? Que beleza! O Chico já é um sufoco pra comer. Sobre o que vc falou no post, eu não poderia deixá-lo comendo no prato de vidro, já que ele aprontava todas com a comida e com o prato. Sobre o prato de ventosa, eu comprei mas não grudava no cadeirão. Usava o prato sem a ventosa mesmo. E sobre o garfo de bebês, o Chico não aceita que a gente dê comida pra ele, isso desde pequenino, então a minha opção foi o garfo de bebês mesmo. Mas com frutas e coisas do tipo corto em quadradinhos pequenos e ele come com a mão mesmo. É uma lambança só, mas paciência. Bjão e se quiser dá uma olhadinha no meu blog: www.conversapramae.wordpress.com
    bjos

    ResponderExcluir